Resultados da Philips no primeiro trimestre de 2011


A Philips reporta lucros líquidos de 138 milhões de euros, um EBITA de 437 milhões de euros e vendas de 5.300 milhões de euros

Abril 19, 2011

  • A Philips e a TPV criam uma forte companhia de televisão
  • Os resultados de televisão serão reportados como resultados extraordinários
  • Vendas nominais de 5.300 milhões de euros, 6% mais que no ano passado
  • As vendas comparáveis cresceram 4% com um sólido crescimento em Lighting e Healthcare
  • As vendas comparáveis aumentaram 11% nos nossos mercados em crescimento
  • EBITA de 437 milhões de euros em 8% das vendas do trimestre
  • Lucros líquidos de 138 milhões, 63 milhões de euros abaixo das do primeiro trimestre de 2010
  • 615 milhões de euros de free cash flow

 

Frans Van Houten, Presidente e CEO da Royal Philips Electronics

“Encontrar uma solução para o nosso negócio de televisão foi a nossa maior prioridade e estamos convencidos que a joint venture 30% / 70% com a TPV anunciada hoje permitirá um retorno à rendibilidade para o negócio televisivo, e uma dedicação fortalecida no nosso portfolio na área de saúde e bem-estar. A Philips tem tido um papel activo na indústria da televisão durante várias décadas e a associação estratégica a longo prazo com a TPV reflecte o nosso compromisso com a continuidade dos televisores Philips para os nossos clientes e parceiros comerciais.

 

A joint-venture aproveita a força da inovação e a força da marca Philips em conjunto com a capacidade de alcance e fabricação da TPV. A Philips vai receber um preço de compra diferido e as receitas de licença de marca como parte do acordo. Esperamos certos custos relacionados com a separação que afectarão os lucros a curto prazo.

 

No primeiro trimestre de 2011, o sector de Healthcare mostrou um crescimento médio de um dígito em vendas comparáveis, com especial crescimento Patient Care and Clinical Informatics. No mesmo período, o sector de Lighting voltou a apresentar um crescimento médio de um dígito, impulsionado pelo crescimento de vendas de LED. No sector de Consumo e Estilo de Vida, os nossos negócios emergentes alcançaram um crescimento de dois dígitos. As vendas comparáveis nos nossos mercados em crescimento aumentaram uns sólidos 11%. O EBITA melhorou no primeiro trimestre em Healthcare, enquanto que os lucros mais baixos em Lighting e Consumer Lifestyle, significa que o EBITA da empresa na sua totalidade foi inferior ao do mesmo trimestre em 2010. A margem EBITA reduziu-se até 8,3%. Os lucros líquidos no primeiro trimestre desceram aos 138 milhões de euros, dos 201 milhões de euros no mesmo trimestre do ano anterior.

 

Esperamos ventos contrários em 2011 devido à tragédia no Japão, que afectará as nossas receitas e cadeia de abastecimento. Temos já uma equipa a trabalhar de forma a atenuar as consequências e riscos.

 

A nossa prioridade é acelerar o nosso crescimento a médio prazo e a trajectória de rendibilidade. Serão necessários investimentos para consegui-lo. Proporcionaremos uma nova actualização na segunda metade de 2011”.

 

 

Relatório trimestral

 

Apresentação

 

Conference call e audio webcast

Às 10.00 AM CET terá lugar uma conference call com Frans Van houten, CEO, e Ron Wirahadiraksa, CFO, para falar dos resultados. Através do siguinte link estará disponível um áudio webcast da conference call.

Q1 2011 conference call audio webcast

 

Mais informação sobre Frans van Houten e Ron Wirahadiraksa

CV e imagens de Frans van Houten

CV e imagens de Ron Wirahadiraksa

Para mais informação:

 

Steve Klink

Philips Corporate Communications

Tel: +31 20 597 7415

Email: steve.klink@philips.com   

 

Joost Akkermans

Corporate Communications

Tel: +31 20 5977 406

E-mail: joost.akkermans@philips.com

 

Contacto para informação em Portugal e Espanha:

 

Ángeles Barrios

Directora de Comunicación, RRPP e RSC

Philips Ibérica S.A.U.

Email: angeles.barrios@philips.com

Tel. +34 91 566 90 40

.

Royal Philips Electronics

A Royal Philips Electronics da Holanda (NYSE: PHG, AEX: PHI) é uma empresa cujas actividades cobrem todos os aspectos de Cuidado de Saúde e Bem-estar, com o objectivo de melhorar a qualidade de vida das pessoas, proporcionando-lhes as necessárias inovações no momento certo. Como líder global em cuidado de saúde, consumo e estilo de vida e iluminação, a Philips integra tecnologia de ponta e soluções de design contemporâneo, sempre desenvolvido em torno das necessidades das pessoas e com base num conhecimento profundo do consumidor e na sua promessa de marca "Sense and Simplicity". Com sede na Holanda, a Philips emprega aproximadamente 117.000 funcionários em mais de 100 países. Com um volume de negócios de 22.300 milhões de euros em 2010, a companhia é líder global em cuidados críticos e problemas cardíacos, e telemonitorização, em soluções para iluminação baseadas na eficiência energética e novas aplicações de iluminação, bem como soluções de consumo para melhorar a qualidade de vida e lazer das pessoas, com uma sólida posição de liderança em Flat TV, barbear e cuidados masculinos, sistemas portáteis de entretenimento e saúde oral. Pode obter mais notícias da Philips em www.philips.com/newscenter ou www.philips.pt.

.

Forward-looking statements

This release may contain certain forward-looking statements with respect to the financial condition, results of operations and business of Philips and certain of the plans and objectives of Philips with respect to these items. By their nature, forward-looking statements involve risk and uncertainty because they relate to events and depend on circumstances that will occur in the future and there are many factors that could cause actual results and developments to differ materially from those expressed or implied by these forward-looking statements. 

.