Centro de notícias | Portugal

mai 12, 2021

130 anos de inovação, colaboração, e responsabilidade social da Philips

Amesterdão, Holanda - A Royal Philips (NYSE: PHG, AEX: PHIA), líder global em tecnologia de saúde, comemorou hoje 130 anos de inovação, colaboração e responsabilidade social. Durante a sua rica história, desde a sua fundação a 15 de maio de 1891, em Eindhoven, na Holanda, a empresa tem vindo a reinventar-se continuamente, procurando manter a sua relevância na sociedade. Atualmente, a Philips é uma empresa líder em tecnologia de saúde, tendo como objetivo melhorar a vida de 2,5 mil milhões de pessoas por ano até 2030, por meio de inovações significativas.
O 130º aniversário da empresa é uma celebração da contínua senda de inovação que tem permitido à Philips influenciar positivamente a vida de tantas pessoas em todo o mundo”

Frans van Houten

CEO of Royal Philips

“O 130º aniversário da empresa é uma celebração da contínua senda de inovação que tem permitido à Philips influenciar positivamente a vida de tantas pessoas em todo o mundo”, afirmou Frans van Houten, CEO da Royal Philips. “É também uma questão de olharmos para o futuro – continuarmos a inovar, a colaborar e a atuar de acordo com os mais altos padrões de responsabilidade e sustentabilidade no mundo dos negócios. Vamos continuar a trabalhar em conjunto com inovadores, com especialistas e com a sociedade, para ajudarmos a criar soluções inovadoras que nos permitam enfrentar os desafios atuais do setor da saúde.”

Nova escultura de Gerard Philips

Para comemorar os 130 anos de inovação e colaboração, a Philips irá financiar uma escultura de Gerard Philips, o homem que fundou a empresa, juntamente com o seu pai, Frederik Philips. A escultura será inaugurada no centro da cidade de Eindhoven, num local público recentemente desenvolvido. Gerard acabaria por fundar igualmente os laboratórios de investigação da Philips em Eindhoven, o grande sustentáculo da atual força global de inovação da empresa, que assenta atualmente em cinco centros de inovação e em múltiplas unidades de inovação e fabrico. A Philips gasta 1,8 mil milhões de euros anualmente em investigação e desenvolvimento, para fomentar o crescimento e a propriedade intelectual da empresa, que abrange aproximadamente 59.000 direitos de patentes e 31.000 marcas registadas.

Inovação e empreendedorismo

A entrada da Philips no setor da tecnologia de saúde deu-se durante o período da Primeira Guerra Mundial, altura em que a empresa, aproveitando as capacidades que desenvolvera no fabrico de lâmpadas, começou a dedicar-se à reparação e, posteriormente, ao fabrico de tubos de raios-X para imagiologia de diagnóstico, não tardando a inovar a sua conceção, com o intuito de minimizar a exposição aos raios X e de melhorar a qualidade da imagem. Desde então, a Philips tem vindo a inovar praticamente todas as principais modalidades de imagiologia médica, desde ultrassons a sistemas de ressonância magnética e tomografia computadorizada.

 

A atual gama de Inovações da Philips abrange todo o setor da saúde, desde a vida saudável e a prevenção de doenças ao diagnóstico, tratamento e cuidados domiciliares. Conjugando dispositivos, sistemas, software, inteligência artificial (IA) e modernas técnicas de análise, a empresa desenvolve atualmente soluções inteligentes que ajudam os utentes em todo o mundo a manter um estilo de vida saudável e que permitem aos profissionais de saúde cumprir simultaneamente quatro objetivos: melhorar a experiência dos pacientes, melhorar os desfechos de saúde, reduzir o custo dos cuidados de saúde e melhorar a vida profissional dos prestadores de cuidados.

 

Eis alguns dos exemplos mais recentes:

 

  • Pacote de fluxo de trabalho de IA da Philips - IntelliSpace - uma solução para fluxos de trabalho de radiologia assistida por IA, que distribui automaticamente os dados por aplicações de IA, aumentando a eficiência/produtividade, reduzindo a sobrecarga das equipas de trabalho e melhorando a experiência dos pacientes.

 

  • Sistema de Terapia Orientada por Imagem da Philips - Azurion - acelera a transição da cirurgia aberta para a cirurgia minimamente invasiva, permitindo uma recuperação mais rápida por parte dos pacientes e uma redução de custos por parte dos sistemas hospitalares.

 

 

Colaboração e parcerias

Num mundo cada vez mais complexo e interligado, as grandes soluções de inovação no setor da saúde requerem igualmente cocriação por meio de parcerias e colaboração com os principais investigadores clínicos e prestadores de cuidados. A Philips colabora nomeadamente com as seguintes instituições, todas elas na vanguarda do setor:

 

  • University Medical Center Utrecht (Holanda) - diagnóstico de precisão avançado por meio de tecnologia de ressonância magnética quantitativa - MR STAT.
  • Dana-Farber Cancer Institute (Boston, EUA) – no codesenvolvimento do Philips Oncology Pathways, impulsionado pelo Dana-Farber, para fornecer aos médicos em todo o mundo acesso às melhores práticas e recomendações de cuidados personalizados para pacientes, com base nos mais recentes progressos científicos.
  • Singapore General Hospital (Singapura) - aplicando o Pacote de Patologia da - IntelliSite - ao desenvolvimento de ferramentas baseadas em IA.
  • U.S. Department of Veterans Affairs (VA), no desenvolvimento do programa de cuidados telecríticos de VA, através da criação do maior sistema do mundo com mais de 1.700 unidades, onde são atendidos quase nove milhões de veteranos todos os anos. O programa visa proporcionar aos veteranos o acesso remoto a conhecimentos especializados de cuidados intensivos, incluindo investigação sobre tecnologias que podem melhorar a assistência aos veteranos.
  • MONET Technologies Inc. (Japão) – a Philips, a MONET Technologies e a Ina City estão a fazer face ao problema do rápido envelhecimento da população e da escassez de instalações médicas e profissionais de saúde no Japão por meio de um conceito de veículo de saúde móvel equipado com tecnologias de atendimento ligadas à rede.

 

A Philips estabelece igualmente parcerias estratégicas a longo prazo com hospitais e grupos hospitalares caracterizados por novos modelos de negócio que estão a substituir o padrão de transições pontuais por outro de relações permanentes, com o intuito de oferecer aos hospitais uma solução holística que satisfaça as suas necessidades clínicas, operacionais e de negócio. Por exemplo, com as seguintes instituições:

 

Klinikum Stuttgart Hospital (Estugarda, Alemanha) - uma parceria inovadora de 10 anos que tem como objetivo manter o hospital equipado com as mais modernas soluções de imagiologia de diagnóstico, informática e soluções de atendimento ligadas à rede.

Flevo Hospital (Almere, Holanda) - um acordo de parceria estratégica de 10 anos que tem como objetivo inovar e otimizar continuamente o atendimento dos pacientes na região de Almere, na Holanda.

 

Responsabilidade social

 

 

O reconhecimento da sua responsabilidade social por parte da Philips data já de 1932, ano em que começou a fazer o rastreio de tuberculose ao seu pessoal e, mais tarde, a toda a população de Eindhoven (a cidade holandesa onde a empresa foi fundada). Na década de 1990, a Philips ajudou a implementar pela primeira vez o programa nacional de rastreio do cancro da mama na Holanda.

 

Hoje em dia, os compromissos ambientais, sociais e de boa gestão empresarial (ASG) da empresa estão consagrados nas suas novas metas ASG a 5 anos e nos seus planos estratégicos. A Philips já é neutra em relação ao carbono nas suas operações e está prestes a reduzir ainda mais as suas emissões de CO2, em consonância com o limite de aquecimento global de 1,5 ° C e com o objetivo de obter 75% do seu consumo total de energia a partir de fontes renováveis. A empresa visa igualmente aumentar a receita proveniente de soluções de economia circular para 25% das vendas até 2025.

 

No âmbito do seu objetivo de melhorar a vida de 2,5 mil milhões de pessoas por ano em 2030, a Philips está empenhada em melhorar o acesso aos cuidados de saúde de 400 milhões de pessoas em comunidades carenciadas. Em conjugação com os principais parceiros estratégicos e com a Fundação Philips, a empresa está a possibilitar o atendimento em localidades com recursos limitados, por exemplo, disponibilizando soluções de ultrassom portátil a parteiras formadas em unidades de cuidados primários no Quénia e estabelecendo centros de cardiologia baseados em cidades regionais em todo o território indiano.

 

Para mais informações sobre a história da Philips, clique aqui ou visite o Museu da Philips.

Sobre a Royal Philips

A Royal Philips (NYSE: PHG, AEX: PHI) é uma empresa líder em tecnologia de saúde, dedicada a melhorar a saúde e o bem-estar das pessoas e a facilitar melhores resultados ao longo do ciclo de vida da saúde, desde hábitos saudáveis e prevenção até ao diagnóstico, tratamento e cuidados domiciliários. A Philips aproveita a sua tecnologia avançada e os seus profundos conhecimentos clínicos e de consumo para fornecer soluções integradas. Com sede nos Países Baixos, a empresa é líder em diagnóstico por imagem, terapia guiada por imagem, monitorização de pacientes e informática clínica, bem como em inovações para a saúde dos consumidores e cuidados domiciliários. A Philips comunicou vendas de 19,5 mil milhões de euros em 2020 e emprega aproximadamente 82.000 empregados, com operações comerciais e serviços em mais de 100 países. Todas as notícias sobre a Philips podem ser encontradas em Centro de notícias

Ler maisLer menos

Topics

Contacts

César García Requena

Brand & Communications Manager

Health System

Philips Ibérica

Tel : +34 91 566 95 25

Media assets

To celebrate 130 years of Philips Frans van Houten, CEO of Philips, opened the Euronext Amsterdam Stock Exchange this morning.
Left to right: Simone Huis in ‘t Veld, CEO Euronext, Mirjam Rubbens, Philips Image Guided Therapy, Frans van Houten, CEO of Philips, René van Vlerken, Head of Listing Euronext, Abhijit Bhattacharya, CFO of Philips.
Philips Sonicare Power Toothbrush 9900 Series Prestige with SenseIQ
Philips Sonicare Power Toothbrush 9900 Series Prestige with SenseIQ adapts to an individual user’s unique behavior and needs.
Philips’ AI Workflow Suite – IntelliSpace –
Philips’ AI Workflow Suite – IntelliSpace – a solution for AI-assisted radiology workflows, automatically distributing data to AI applications
Philips Image Guided Therapy System – Azurion –
Philips Image Guided Therapy System – Azurion – accelerating the move from open surgery to minimally-invasive surgery, enabling patients to recover faster and hospital systems to reduce costs.
Philips eICU program
Philips pioneered remote patient monitoring telehealth with its eICU, a scalable, centralized solution that extends critical care resources to the bedside via technology, independent of the health facility’s location.
Early Philips diagnostic X-ray solution used in 1933 in the Netherlands
Philips’ entry into health technology took place during the First World War when it applied the skills it had developed for manufacturing lightbulbs to repairing, and subsequently manufacturing, X-ray tubes for diagnostic imaging, rapidly innovating their design to minimize X-ray exposure and improve image quality.
Screening Philips staff for or tuberculosis in 1951 in the Netherlands
Philips’ recognition of its social responsibility goes as far back as 1932, when it started screening its staff, and eventually the whole population of Eindhoven (the Dutch city where the company was founded) for tuberculosis.

Press releases

Get our press releases by e-mail

Share on social media

Nosso site pode ser melhor visualizado com a versão mais recente do Microsoft Edge, Google Chrome ou Firefox.