Centro de notícias | Portugal

fev 11, 2021

Philips integra ultrassom 3D com software inovador para avanço na vigilância de aneurismas da aorta abdominal

 

  • O modelo de Aneurisma da Aorta Abdominal (AAA) da Philips ajuda a aumentar a confiança no diagnóstico e a melhorar a experiência do paciente em comparação com o padrão atual de tratamento.

Lisboa, 11 de fevereiro de 2021 – A Royal Philips, líder mundial em tecnologia de saúde, lançou o modelo Philips de Aneurisma de Aorta Abdominal (AAA), oferecendo aos médicos uma solução mais amiga do paciente em comparação com o padrão atual de tratamento. Com base em ultrassom 3D, o modelo Philips AAA oferece aos médicos informações diagnósticas precisas sem expor os pacientes a altas doses de radiação e agentes de contraste nefrotóxicos.

 

Um aneurisma de aorta abdominal (AAA) é um aneurisma que se forma na parte inferior da aorta. Normalmente, os AAAs são identificados acidentalmente durante exames de imagem abdominal, mas, em alguns casos, permanecem indetetáveis até à sua rutura. Um a rutura do AAA tem uma taxa de mortalidade de 80% [1], reforçando a importância da vigilância de rotina. O modelo AAA da Philips integra software inovador e tecnologias líderes de ultrassom 3D numa única solução para ajudar a aumentar a confiança no diagnóstico e uma experiência aprimorada do paciente. O software segmenta e quantifica automaticamente o tamanho do saco aneurismático para vigilância de AAAs nativos conhecidos (não tratados) e pós-EVAR (tratados).

A vigilância regular de pacientes com aneurisma da aorta abdominal é essencial, mas o padrão de tratamento atual tem as suas desvantagens”.

Bich Le

Vice-Presidente Sénior, General Manager de Ultrassom da Philips

O padrão atual de tratamento para AAAs inclui ultrassom 2D e angiografia por tomografia computadorizada (CTA). Cada uma dessas modalidades tem as suas desvantagens, incluindo a variabilidade entre operadores com ultrassom 2D e a exposição do paciente a altos níveis de radiação e agentes de contraste nefrotóxicos com CTA.

 

Um estudo clínico recente revelou que a ecografia 3D para vigilância nativa de AAA tem excelente reprodutibilidade interoperador, superior à ultrassom 2D, apoiando o uso mais amplo de ultrassom 3D em programas de vigilância AAA padrão [2]. Foi demonstrado que a ecografia 3D estima o diâmetro e o volume de um AAA com reprodutibilidade aceitável e uma melhor concordância (em relação ao ultrassom 2D) com a TC [3]. Para além disso, o ultrassom 3D também demonstrou correlacionar-se significativamente melhor com a TC 3D do que o ultrassom 2D para avaliar o diâmetro máximo do saco residual pós-EVAR, com reprodutibilidade clinicamente aceitável [4].

 

“A vigilância regular de pacientes com aneurisma da aorta abdominal é essencial, mas o padrão de tratamento atual tem as suas desvantagens”, afirmou Bich Le, Vice-Presidente Sénior, General Manager de Ultrassom da Philips. “O modelo de aneurisma da aorta abdominal (AAA) da Philips integra perfeitamente as tecnologias líderes da Philips, incluindo o sistema de ultrassom Philips Premium (EPIQ Elite), o transdutor Philips Array (X6-1 xMATRIX) e software inovador numa única solução, para ajudar a melhorar a experiência e os resultados para os médicos e pacientes.”

 

Lançamento do Modelo de Aneurisma da Aorta aAbdominal (AAA) Philips no LINC 2021

 

A Philips vai estrear o modelo AAA no LINC (Leipzig Interventional Course) Summit, o primeiro curso de intervenção da Europa para especialistas vasculares, que acontecerá virtualmente de 25 a 29 de janeiro de 2021. Visite a Philips no LINC para obter mais informações sobre o modelo AAA da Philips, incluindo demonstrações ao vivo e acompanhe @PhilipsLiveFrom  para atualizações durante todo o evento virtual. Os participantes do LINC também são convidados a participar de um Simpósio sobre Aneurismas da Aorta, sexta-feira, 29 de janeiro às 12h30 CET, onde os médicos discutirão a mais elevada qualidade de atendimento em procedimentos EVAR complexos com técnicas de imagem avançadas, do planeamento ao acompanhamento. O simpósio contará com a participação do Prof. Henrik Sillesen, que abordará a melhoria da precisão da medição AAA usando inovadora moderação de volume ultrassom 3D e xMATRIX.

 

O modelo de Aneurisma da Aorta Abdominal (AAA) da Philips tem marcação CE para venda na Europa e é aprovado pela FDA para comercialização nos EUA.

[1] Incidência específica por idade, fatores de risco e resultado de aneurismas agudos da aorta abdominal numa população definida. Howard DP, Banerjee A, Fairhead JF, et al.

Br J Surg. 2015; 102 (8): 907–915. doi: 10.1002 / bjs.9838

[2] Validação clínica de ultrassom tridimensional para aneurisma de aorta abdominal. Ghulam, Qasam M. et al., Journal of Vascular Surgery, Volume 71, Edição 1

[3] Avaliação por ultrassonografia tridimensional de pequenos aneurismas de aorta abdominal assintomáticos. Bredahl, K. et al. European Journal of Vascular and Endovascular Surgery, Volume 49, Edição 3, 289-296

[4] A ultrassonografia tridimensional melhora a precisão da medição do diâmetro do saco residual em pacientes EVAR. K. Bredahl, M. Taudorf, A. Long, L. Lönn, L. Rouet, R. Ardon, H. Sillesen, J.P. Eiberg. European Journal of Vascular and Endovascular Surgery, Volume 46, Edição 5, 2013

Sobre a Royal Philips  

A Royal Philips (NYSE: PHG, AEX: PHI) é uma empresa líder em tecnologia de saúde, dedicada a melhorar a saúde e o bem-estar das pessoas e a facilitar melhores resultados ao longo do ciclo de vida da saúde, desde hábitos saudáveis e prevenção até ao diagnóstico, tratamento e cuidados domiciliários. A Philips aproveita a sua tecnologia avançada e os seus profundos conhecimentos clínicos e de consumo para fornecer soluções integradas. Com sede nos Países Baixos, a empresa é líder em diagnóstico por imagem, terapia guiada por imagem, monitorização de pacientes e informática clínica, bem como em inovações para a saúde dos consumidores e cuidados domiciliários. A Philips comunicou vendas de 19,5 mil milhões de euros em 2020 e emprega aproximadamente 82.000 empregados, com operações comerciais e serviços em mais de 100 países. Todas as notícias sobre a Philips podem ser encontradas em Centro de notícias

Ler maisLer menos

Topics

Contacts

César García Requena

Brand & Communications Manager

Health System

Philips Ibérica

Tel : +34 91 566 95 25

Media assets

Share on social media

Nosso site pode ser melhor visualizado com a versão mais recente do Microsoft Edge, Google Chrome ou Firefox.