Centro de notícias

jun 23, 2020

Philips lança solução de monitorização obstétrica útil para médicos e grávidas durante a pandemia COVID-19

   

De acordo com as novas orientações da Food and Drug Administration (FDA) de abril de 2020 [1], o Avalon CL Fetal e o Maternal Pod and Patch estão agora disponíveis nos EUA, em países europeus, Austrália, Nova Zelândia e Singapura, para apoiar a monitorização materna e fetal. Integrada no vasto portfólio de cuidados obstétricos da Philips, a nova oferta tem o potencial de reduzir o risco de exposição de mãe e médico à COVID-19, no hospital e em casa, e complementa a gama inovadora de Monitorização Remota de Pacientes da Philips, projetada para transformar o atendimento a populações de risco.

Lisboa, 23 de junho de 2020 – A Royal Philips, líder mundial em tecnologias da saúde, anunciou hoje o reforço da sua gama de Monitorização Remota de Pacientes, apoiando populações de risco durante a pandemia COVID-19. Os novos Avalon CL Fetal e Maternal Pod and Patch pretendem reduzir interações físicas desnecessárias entre médicos e pacientes, o que é de particular importância durante a pandemia COVID-19. O Patch faz parte de uma solução inovadora de gravidez de alto risco, mais abrangente, que inclui análise perinatal Philips e software de visualização, para além de um monitor fetal alimentado por bateria ultraportátil.

 

Cerca de meio milhão de mulheres infetadas com COVID-19 irão dar à luz em 2020 e todas as grávidas que não forem diagnosticadas com COVID-19 têm interesse em passar o menos tempo possível num hospital de modo a limitar a sua exposição ao vírus. Enquanto os médicos estão a tratar de pacientes com COVID-19 em salas de isolamento e a realizar visitas domiciliárias e nascimentos quando é possível, gerir adequadamente o atendimento ao paciente enquanto se reduz o risco de exposição para os prestadores de cuidados requer ferramentas que permitam a monitorização remota dos sinais vitais.

O Fetal and Maternal Pod and Patch permite a monitorização contínua e não invasiva da frequência cardíaca materna, frequência cardíaca fetal e atividade uterina, através de um adesivo descartável com elétrodo para utilização única de 48 horas e que é colocado sobre a barriga da grávida. O adesivo foi projetado para ser colocado no paciente por um médico, ficando fixo, ao contrário dos cintos elásticos tradicionais e sensores que requerem reposicionamento frequente. "O facto dos novos sensores serem descartáveis e não exigirem reposicionamento constante foi particularmente útil para no pico da COVID-19 em março e abril em Lisboa", referiu o Prof. Dr. Diogo Ayres de Campos, da Universidade de Lisboa e Presidente Eleito da Sociedade Europeia de Medicina Perinatal (EAPM).

 

“A monitorização remota durante o trabalho de parto sempre proporcionou vários benefícios para as gestantes, incluindo conforto, mobilidade e flexibilidade. No entanto, durante a pandemia do COVID-19, a necessidade de soluções móveis durante a gravidez é maior do que nunca”, afirmou Peter Ziese, General Manager, Monitoring & Analytics da Philips. “A Philips dedica-se há mais de cinquenta anos a fornecer os melhores cuidados a grávidas e esta nova solução baseia-se no nosso compromisso de fornecer recursos integrados de monitorização contínua para gestações de alto risco.

“Com este novo adesivo, os médicos têm agora acesso a uma ferramenta inovadora para ajudar a monitorizar mulheres grávidas durante a COVID-19, ajudando a proporcionar-lhes conforto durante um período particularmente stressante.”

Pieter Ziese

General Manager, Monitoring & Analytics at Philips

A solução Philips OB consiste no portfólio de monitorização Avalon Fetal, com a tecnologia Smart Pulse da Philips, e um sistema obstétrico de gestão de informações para fluxo contínuo de dados para o EMR (registo médico eletrónico), que inclui:

Avalon CL Fetal e Maternal Pod and Patch: adesivo descartável de uso único e dispositivo reutilizável colocado na barriga da grávida para captar a frequência cardíaca fetal e materna e atividade uterina através de sinais de ECG e EMG, sem a necessidade de reposicionamento constante;

 

Sistema de transdutores Avalon CL: fornece monitorização sem cabos com os monitores fetais Avalon para dar liberdade às gestantes de se deslocarem durante o trabalho de parto, enquanto supervisiona até três fetos. O Avalon CL Wide Range Pod utiliza a instalação de LAN wireless do hospital para permitir que as mães expandam a área de deambulação, alargando a monitorização de todas as medições sem cabos ao alcance total da WLAN .;

 

IntelliSpace Perinatal: sistema de vigilância obstétrica e gestão de informações, projetado para uso desde a visita pré-parto até ao parto, parto e assistência pós-parto. Os dados das gestantes  são exibidos e transmitidos automaticamente para o  eletrónico (EMR. A revisão K do ISP, combinada à funcionalidade de exibição remota do IntelliVue XDS, oferece a capacidade de controlar o Monitor Fetal remotamente.

O Avalon Fetal e o Maternal Pod and Patch receberam a certificação CE em 2019 e estão disponíveis em muitos países da UE [2], assim como na Austrália, Nova Zelândia e Singapura.

 

 A Philips possui um vasto portfólio de serviços e soluções que podem ajudar a oferecer assistência de elevada qualidade a pacientes com COVID-19. Inclui abordagens seguras, conectadas e inteligentes para diagnóstico, tratamento e monitorização no hospital, para além de triagem, monitorização remota do paciente e atendimento em casa. Com a assistência médica sob cada vez maior pressão, a telessaúde da Philips e a análise de dados habilitada para IA podem ajudar a suportar fluxos de trabalho, facilitar a colaboração remota e otimizar recursos. As soluções da Philips relacionadas com a COVID-19 foram projetadas para rápida implementação e escalabilidade. Para obter mais informações sobre como a Philips está a enfrentar globalmente o Coronavírus, visite hub COVID-19 da Philips.

Sobre a Royal Philips  

Royal Philips (NYSE: PHG, AEX: PHI) é uma empresa líder em tecnologias da saúde, centrada em melhorar a vida das pessoas e facilitar a obtenção contínua de melhores resultados na saúde, desde os hábitos saudáveis e a prevenção, ao diagnóstico, tratamento e cuidado no lar. A Philips faz uso da sua avançada tecnologia e dos seus profundos conhecimentos clínicos e do consumidor para oferecer soluções integradas. Com sede na Holanda, a companhia é líder em imagem diagnóstica, terapia guiada por imagem, monitorização e informática da saúde, assim como em saúde do consumidor e cuidado no lar. A Philips contabilizou vendas no âmbito do seu portefólio de tecnologias de saúde de 19.500 milhões em 2019 e emprega aproximadamente 80.000 pessoas, com operações comerciais e serviços em mais de 100 países. Todas as notícias de Philips encontram-se em http://www.newscenter.philips.com/pt_pt 

Ler maisLer menos

Tópicos

Contactos

César García Requena

Brand & Communications Manager

Health System

Philips Ibérica

Tel : +34 91 566 95 25

Conteúdos multimédia

Partilhar nas redes sociais